quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

O inimigo da Lingua Galega nao esta no próprio Nacionalismo??

Pode resultar muito forte o título mas por aí podem ir os tiros... que entendedes destes tres feitos: o PP saca hoje o novo decreto sobre a Língua no ensino acurtando os topes do 50 ao 33%. Nestes mesmos dias o BNG asina e aperta das maos ao PP (si ese mesmo que está extinguindo o idioma) a nova lei sobre as Caixas Galegas para así repartir o poder e enchufar a vários mais de cada partido... como se come isso?
E que dizer do acto patético da segunda feira no que o BNG convoca a 50? pessoas na praça do Obradoiro para supostamente reinvindicar a volta da Selección Galega .. nao dam movido mais afiliados? queriam só sair na foto? nao queriam que o reintegracionismo e o independetismo acudissem e lhes quitassem sitio na fotografia?
Nao gosto da figura de Sarille mas lede o seu libro Sobre a Impostura e a desorientación na normalización lingüística. Impactante e forte o conteúdo: o culpável da situación da lingua nao é o PP, nao soe interesar-lhe o tema, senao a deixadez e falta de defesa real do BNG. Pais de miséria, mas algúns ainda acreditamos no pais, nao nesses paisanos que supostamente defendem a nada. Saude e Lingua no novo ano 2010. Nisso estaremos , a lutar com dignidade e exemplo. Bom ano a todos!

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

REPENSAR O PAIS, COMEZANDO POR NÓS MESMOS..

Nao há revoluçao senao empezamos pelo interior de cada uma das pessoas. Pode parescer cursi, quase filosófico mas é muito real. Diz um colega que está farto de ouvir por muita gente de esquerdas que a soluçao para o pais é uma direita galeguista, Manda truco!!
Também di que ou há um cambio de esquema ou que mais dá quem está no trono se o modelo económico é o mesmo, se o poder segue em mans dos Froiz, Ortega etc. Agora seica o Rafael Cuinha e o Baltar Jr sao a soluçao para o pais...
Neste mes de Natal, na celebraçao do solsticio de inverno, a Galiza só pensa em consumir ou em ocultar-se na nuvem do pasado mítico ou no Malo será. Hai que foder-se pá, o Grupo Froiz, si ese mesmo que nao usa a Língua no seu travalho... O impresentável do Quintanilha que utiliza o idioma para fazer folklore e invitar a Galiza Fachilingüe nas suas "jornadas sobre el uso amable del idioma, si ese que te está de puta madre"...
Mentres em Euskalerria os jogadores nao querem jogar con Euskadi e em pachangas... gostam de jogar com Eukalerria inteira e em jogos relevantes e atacam á Federaçao Vasca por cómplice, acá na Galiza Siareiros Galegos fai um partido paralelo muito descafeinado por muito que seja loável o esforço.
Que lhe pedimos ao ano 20010: muitas coisas a nível pessoal mas a nível geral a primeira primavera de luta real para a lingua. Nos nossos liceos haberá uma greve no ensino em Janeiro, um só dia...
Buxo, beleça e liberdade di um amigo como despedida e eu lhe contesto sempre Saude e língua!!

domingo, 6 de dezembro de 2009

A LINGUA, A AUTODETERMINAÇAO E A SELEÇAO

Dezembro é o mes do Natal (depois das festividades paganas claro), da prostituçao espanhola e dos partidos da seleçao de Galiza entre outras coisas...
Pelo que respeita ao dia 6 como dia da imposiçao de uma Carta Magna que nao teve na Espanha o apoio geral do povo hespanhol, a Galiza incluida. Uma disposiçao legal que jerarquiza as línguas do Estado de mais a menos, tendo como Língua A ao Castelhano e depois inventa o termo co-oficiais para as demais. Claro sem olvidar outras pérolas como que o ilustre exército espanhol é o garante da democracia e nao o povo... todo produto da imposiçao e a maquilhagem da ditadura para ingresar na OTAN e a Uniao Europeia... e de uma mentira como é a Transiçao, ou como todo o mundo tragou ...
O 6 de Natal é o dia da mentira, da farsa e da imposiçao da Espanha como única naçao-Estado quando isso nao é certo. Os meios de comunicaçao, a xudicatura e o exército sao os encarregados do bombardeo e o consenso geral para que o povo creia isto..
E que dizer do futebol e do partido da nossa seleçao? por muito que doa o futebol é hoje uma icona do símbolo de um povo e o ópio do povo. Em tempos nos que Bruxelas manda na economia e a Otam na Defesa, o desporto queda como uma das poucas coisas para que os espanhois poidam fazer apologia da sua raça e do orgulho de ser espanhois, com o problema de que isso nao o deixam para os demais... O PP de Galiza decide que Galiza seja o único lugar do Estado sem futebol autoanémico ( Euskadi é outra coisa), quando os jogadores queriam o jogo. Feijoo e a Federaçao de Futebol sao o braço armado da Espanha, nao vaia ser que só os espanhois poidam fazer política ca sua seleçao espanhola e as suas bandeiras, hinos e orgulho da "roja"... Viva a seleçao Galega, o futuro pode ser do pais galego se o povo assim o quere.

sábado, 28 de novembro de 2009

Europa insta ao PP de Galiza a acabar ca persecução lingÜística:o racismo e o apartheid do PP contra o Galego:

Instan a Xunta a "pór fin ás iniciativas que adoptou contra o galego"O Comité do Estado español do EBLUL (European Bureau for Lesser-Ussed Lenguages - Axencia Europea para as Linguas Minorizadas) aprobou dirixirse á Xunta para que "poña fin ás iniciativas que tomou nos últimos meses en contra do idioma galego". A Axencia Europea para as Linguas MinorizadasO EBLUL, promovido polo Parlamento europeo e que ten o rango de entidade consultiva desta institución, do Consello de Europa e da ONU, considera "de especial gravidade" que o Goberno galego non estea a ter en conta o último ditame do Comité de Expertos do Consello de Europa sobre a situación lingüística de Galiza, emitido a finais do ano pasado.O organismo lembra que a Xunta non só non tomou as medidas recomendadas para mellorar a protección dos dereitos da comunidade lingüística galega, senón que se desmantelaron proxectos que foran eloxiados e considerados exemplares polo Consello de Europa.Desde o organismo europeo afirman que se a Xunta continuar coa súa "política de desprotección" dos dereitos da comunidade lingüística galega e de incumprimento dos tratados internacionais sobre dereitos lingüísticos.

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Beiras já tem o seu carguinho! habemus consenso, pobre pais com estes paisanos..

O que está a passar com Galiza é um sinal de que a coisa é para chorar: por um lado Beiras e parte dos críticos som contentados com postos e assim tudo vai bem! ponha um postinho ao galego de turno e este venderá os seus principios ideológicos com tal de sair na foto.... Que enveja dá Catalunya com o referemdum de Areyns ou o novo partido independentista que sacará vários escanos no próximo parlamento nacional. Em Galiza a casa comúm do BNG é a icona dum povo galego que cede, cala e traga.
Por outro lado, A NOSA TERRA que já passara de panfleto partidista com algúns ideais a revista a cores onde cabe tudo: colaboram demócratas e galeguistas de toda a vida como Baltar jr, váriso do PSOE ou Susana López Abelha. A nova notícia é que o gram cacique Victorino Nunhez passou a ser o novo presidente.... em semanas anteriores despediram a empregados suspeitosos de Independentistas, sim deses raros. Bonita notícia, é a realidade do BNG: venda-se vostede com tal de viver acomodado. Saude e pátria meus!

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

Tras a manifa de Outubro em defesa da Língua, tempos de cambios, luta e parálise?

Agora depois da manifa, greve, de Outubro em defesa da nossa Língua toca fazer balanço e ao mesmo tempo mirar para adiante:
Em Compostela estivemos mais de 60 000 pessoas, algúns de nós saimos da Alameda de Compostela 1 hora depois e a praça da Quintana teve que vaziar-se várias vezes. Por certo, por qué nao se vai de uma vez á praça do Obradoiro? uns centos de pessoas fumos de forma espontánea mas seguimos tendo medo ao cemento, respeito pela Igreja? e á polícia?
um povo que vive é o que luta e isso quedou claro mas a pergunta é: Vale para algo uma greve de um dia? nao é mais lógico criar escolas em Galego, jornais e centros sociais? o idioma está bem visíbel na sociedade Galega? a Língua deve sacar a cabeça e afirmar-se como a Língua do Pais.

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Ontem estive em Guimaraes

Que perto e que longe está ao mesmo tempo Portugal de Galiza! em menos de 20 minutos taba já na raia direción ao nascimento de Portugal. Só fum uma vez a Guimaraes e desta vez andei muito: pelo castelo, a zona velha (que linda o largo ou praça de Santiago), comprar coisas, tomar copos, ler e comprar imprensa, ouvir aos vimaranianos falar galego... e de volta encontrar muitos carros, demasiados para ver a seleçao Portuguesa no seu partido contra Malta. Que fás sao os portugueses. É muito excesivo o fanatismo pelo futebol por parte da sociedade actual. A desiludao da política e da participaçao vicinhal foi substituída pela adesao ao jogo da bola. Muito excesivo e digo isso sendo eu afeccionado.
Foi entrar em livrarias e lá há de tudo na nossa língua: filmes, música mundial, livros de todo tipo etc Gostei muito duma jornada muito formosa mas muito calorosa também. Saude e língua !!!

quinta-feira, 1 de outubro de 2009

O PP, PSOE contra a nossa Língua: a luta do "LA CORUNHA.."

Que acontece na Galiza para que os partidos políticos vejam na luta contra a Língua Galega um caudal de votos. Que lhe passa aos Galegos para que nao superem o auto-odeio e continúem associando o Galego co atraso ou a aldeia?? as coisas que há 30 anos pareciam superadas como a única formal legal dos topónimos galegos que vam em claro retrocesso. Há colegas meus que dim que para evitar complicaçoes poderiamos usar Corunha sem artigo como já se fai na prática com Porto...
O povo galego segue doente, com a auto-anémia e a paranóia lutando contra as nossas origens. Mas afortunadamente a nossa Língua vive e floresce em Portugal!!

domingo, 16 de agosto de 2009

MANDA TI 1 POESIA ADICADA AO ETNOCIDA PRESIDENTE GALEGO!


O que naceu em Galiza e da sua terra renega, ese nim á propia nai lhe sabe ter reverencia.
O Galego que nom fala a lingua da sua Terra, nim sabe o que tem de seu nim é merecente dela.
" Todo aquel que aqui prefira Lingua alhea á de seu país, serálhe arrincada a sua da boca para xamais (Pintos)

sexta-feira, 14 de agosto de 2009

A imposição do Galego na Galiza ?? ou o PP etnocida

Volve o PP agredir-nos na nossa Terra: o anterior bi-partito creou o Conflito coa Lingua. Claro que hai conflito, ou a desapariçao ou a normalizaçao. Em tempos onde as multinacionais tenhem mais poder cos Estados, onde as pessoas gostam de consumir antes que manifestar-se pelo seu futuro.. o poder da semántica é muito forte. De um tempo a esta parte o PP extende o mito urbano da imposiçao da lingua galega na sua própria Terra e Palavra de Deus!! Como segundo argumento apelam a liberdade individual. Si esa mesma pela que nao vivem em sociedade, senao na sua urna de cristal clasista, hierárquica..
Ante a manifestaçao histórica do dias das letras apoiando á nossa Língua, o governo direitista de Feijoo dis que queremos imponher... BASTA JÁ DE FASCISTAS! abonda de etnocidas na nossa terra e horas sao de que o povo galego demostre que nao está morto. Hai que bota-los !!

sábado, 8 de agosto de 2009

Nom ha revoluçao sem mudar as pessoas por dentro!

Por alguma experiência pessoal e por falar disto com amigos acredito no título. No entanto, algúm esquerdoso "guai! crerá que nao.. mentres o egoismo seja o que marca ao ocidental e creia co mundo é infinito assim nos irá... há muita gente liberal que haja co mundo vai bem e na sua praxe pessoal é dominante, egoista, e ditatorial... há espaço para um real cambio social com esta atitude? pode o mundo branco e dominante aprender dos povos indígenas a respeitar á natureza e viver e deixar de hierarquías... dim que a propriedade privada nasceu com o sedentarismo e a civilizaçao, posivelmente Babilonia ou Sumer. Eu acho que sim, gosto do exemplo comparativo da frase nao literal : "um homem avança pelo rio na sua embarcaçao remando". Iso dito assim, mas nunha lingua indígena focaríam o interesse da frase na natureza e o homem ficaria pequeno e fora do núcleo da frase. Diferente visao, o egoismo do homem que se cre todopoderoso. Algúm pede a inmortalidade, para que? haberá vida, sempre houbo no planeta. Haberá pedras, insectos, e quedará do ser humano?

terça-feira, 4 de agosto de 2009

SOM LUDÓPATA DO TEU CARINHO...




Som ludópata de teu carinho e nom tenho ajuda,som ludópata das tuas coxegas e nom as podo sonhar,som ludópata da tua sonrisa e nom ma obsequias,som ludópata e ninguém me entende,som ludópata dalgúm coraçao perdido que me busque lá no ermo perdido,som ludópata da tua sombra e nom a consigo encontrar...Som ludópata, sim e que?

domingo, 2 de agosto de 2009

Novas estratégias para a nosa Lingua...

Estou farto de marketing barato, de lemas como "en Galego mola", "O Galego suma"... da Academia Galega e de tantos lugares absurdos que se regodeam mentres o idioma esmorece. Discursos como o monolingüísmo sao hoje quase utópicos. Recuperar o prestixio do idioma, mudar o discurso, escutar a Cristiano Ronaldo ou Vinicius de Morais na minha língua... nao se gastou tanto como agora em pseudo-normalizacióm lingüística e a coisa vá muito mal. E ante isto que podemos fazer? coherencia e constancia pessoa, organizar-se como o mundo reintegracionista em centros sociais, criar escolas em Galego e Imprensa nossa. Se isso nao o conseguimos em mais de 30 anos de autoanemia ou post-franquismo...
Estou a mirar coisas na rede para ver como se organizam em Euskadi, Catalunya ou Gales. Imaginaçao ao poder, luta e muita, muita paixao amigos leitores. O futuro tem que ser nosso!!

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Fermoso poema de Joao Verde sobre Galiza e Portugal:

Vendo-os assim tão pertinho,
A Galiza e mail’o Minho,
São como dois namorados
Que o rio traz separados
Quase desde o nascimento.
Deixai-os, pois, namorar,
Já que os pais para casar
Lhes não dão consentimento.

sábado, 25 de julho de 2009

CRÒNICAS DUM GALEGO EM PORTO (e V) E O SOBERANISMO CERCADO NO TOURAL PELA POLÌCIA ESPANHOLA!

De volta jà na pàtria pequena, à outra penso voltar muito mais. Para mim Ìtaca comeza, novas intencioes e percursos começam. O balanço em Porto è bom, mas o nível da Turma C deveu ser melhor (a supostamente mais avançada e a metodologia muito anticuada) e as relaçoes com boa parte dos estrangeiros fora da faculdade nao era muito fácil. Com todo quedam bons passeios, emails de colegas, viagems a céus novidosos e o início da lusofonia...
Estou a digerir agora as coisas mas e volta na sexta, ontem dia 24 a Vigo foi muito chato. Castelhano atè na sombra da bananeira... Cheguei no comboio ( 3 horas e 20 minutos de Porto a Vigo, que marabilha de comunicaçao ! e depois falam do Eixo Atlântico e da modernidade...) e muito cedo para Compostela, o berço de Prisciliano. Uma vez lá falei com bons amigos e gostei da pre-manifestaçao e depois também.Fui á manifa mais autêntica, a de Causa Galiza. E gostei de ouvir a palavra AUTODETERMINAÇAO... já nao lembrava que existia. Isso sim, AS PALAVRAS PODEM FERIR, CONCIENCIAR E MUDAR AS COISAS: a praça do Toural estava literalmente cercada por muitos polícias antidisturbios. Viva a democracia !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!1
Gostei das conversas e duma poetisa galega-Catalá: Raida. Merquei o seu novo libro poético, uma coisa muito selvagem, gostei dos primeiros versos e do ar novo e fresco!! falarei na seguinte mensagem da minha impressao. Na Catalunya o Independentismo, Soberanismo melhor, está a fazer muita forza e vá ter presença parlamentária. E em Galiza???? Se andamos ao melhor muita força de ocupaçao pode estar lá, isso seria chato mas se cavalgamos é que vivemos e ladrem os caes ... Saude e língua!

domingo, 19 de julho de 2009

CRÓNICAS DE UM GALEGO EM PORTUGAL (IV)

Há dias que não posso escrever, ocupado e o meu módem não trabalha em Portugal... Hoje quero falar de 10 coisas:
1) Como gostão os portugueses das pastelarias, há cada pouco e eu ca tentação a cada pouco, bua
2) A minha professora de Português não pôde faze-me calar quando se me pregunta pelo meu pais... não é Espanha. Já o levo dito 100 vezes... já sabe algo mais. Isso fai pensar que os galegos devemos fazer-nos ouvir pelo mundo e como disse Castelao pela sua estadia em New York, as vezes pensa um que o meu pais não existe para muitos. Aos muitos alunos estrangeiros do curso nem lhes soa a nada Santiago e senão pois a explicar... Por certo, numa visita guiada pela zona velha de Porto boa a fissemos um catalá e eu, sobre todo um servidor. A alunos de Holanda e outros paises falamos-lhes de Freedom for Galice e assim... jajajjajj. Até o chófer do autocarro acreditou na autoderminação dos povos!!! e ao sair um português diz se eu era Vasco....
3) Fui na sexta feira de jantar e podo dizer que cada vez gosto mais de Polonia, buffffff e da Eslovénia também vi uma beleza muito chamativa.
4) Não me lembrava de uma conversa com 4 alemães sobre a beleza, a imortalidade e já não sei que mais em tantas horas... e com vinho de Porto e em Português. A nossa língua é internacional.
5) É muito chamativo o contraste em Porto dos ricos (muitos ) e os arrumadores ( unhas 200 pessoas que indicam o lugar para encostar os carros) e pelas noites a gente a dormir onde pode..
6) Estou a andar muito, 3 ou 4 horas diárias e já sou um portuense mais (fui ver o Porto- Mónaco ). Quanta paixão têm o Portista pela sua equipa, o Dragão quase cheio e muito bom, e se cos seus políticos os poupassem assim???
7) O curso remata e tenho a sensação de começar depois de voltar a assimilar coisas.
8) Probei coisas, isso sim, da francesinha não gosto muito mas as tripas não penso nem mirar.... vou ser vegano...
9) Como cambiam os tempos, antes os universitários (algúns) queriam cambiar o mundo e agora no curso vam por livre e é dificil combinar ou fazer coisas juntos. A globalização e cada um no seu universo .
10) Não boto de menos o castelhano ...... esta si é uma sociedade normalizada, mas sim Galiza, tchauuuuu

sexta-feira, 10 de julho de 2009

UM GALEGO EM PORTO (III)

Hoje os alunos do curso de português para estranxeiros visitamos as caves ( a Sandomam) e bebimos o vinho do Porto. Depois fui com 10 pessoas e lá havia de tudo: poloneses, um hùngaro, um finlandês, um ucraniano, uma alemã, um belga e um galego. ( oh meus como gosto da Polska, jajajjajaj). Falamos muito e em português, muito engraçado. Os galegos têm uma língua internacional, alá eles senão querem ver isso.
Gosto devagar da morada em Porto mas há de tudo. A zona velha da cidade é formosa mas está muito abandonada e pela noite melhor não ir lá... ontem andei 4 horas e já conhezo bem a cidade (outra coisa é a área metropolitã de perto de um milhão de pessoas.) Mudei do nível B ao C, o superior, e pensei que as aulas iam ser mais duras. No entanto sei que devo melhorar o meu sotaque e as gralhas na ortografia. Voltarei a Portugal...
A gente da turma são bos mas pensei que ia ser mais fácil fora das aulas. Ou é a idade, o pais ou é que são gente tímida como me disse hoje uma canadiana. Amanhá irei a Aveiro e o domingo a ver se combino com gente portuguesa. Ui, hoje isto paresce um diário de crianças, contarei outro dia impresões sobre a língua ou a cultura. Saude e língua !!

quarta-feira, 8 de julho de 2009

CRÓNICA DE UM GALEGO EM PORTUGAL (II)

Por qué estás a fazer um curso em Porto? uns perguntam isso surprendidos da proximidade nas linguas minhotas, e outros não sabem nada da minha Terra. Como muito que existe Compostela e as Rias Baixas. De quem é isso culpa? dos galegos pás!
O Timor aparte de ex-colónia teve de lutar pela sua independência e que o mundo os ouvisse. Onde há na Galiza isto?
Muitos galegos seguem a chegar a Portugal dizindo que são espanhois ou com uma atitu-de superior. Ou indo antes a Madrid ou a Asturies a concertos ou viagens quando Porto está mais perto e é melhor para um galego. O português é pelo geral muito amável e deseja praticar idiomas, cambia a muitos para demostrar a sua competência. No entanto, tambéim há os que reparam muito se não falas o padrão lisboeta e estám prestos a corregir ou quando menos a mirar atentos que és do norte ou assim.
Com tudo, há coisas negativas cá: como pais muito pequeno tenhem algo de complexo de inferioridade ca Espanha (muitos programas de televisâo por exemplo), há muita presença da religião e são algo nacionalistas... não se pode ter tudo...
Como primeira aproximaçao só vou falar de quatro coisas breves:
1) O primeiro dia de aulas fui pela tarde de copos com dois de Madrid... mas déron-me uma lição, fora prejuiços com a capital do Estado. Os dois falaram quase sempre português e o temor da falta da imerção não teve lugar.
2) Pela noite estávamos num cantina a comer e um português cantou fora uma canção tradicional espanhola !!!! ahhhh, apanhou depois os euros que pude.
3) Há muitas pessoas diferentes no curso: vascos, catalaês, de Madrid, Polacos (bonitas mulheres), russos e alemães.
4) Estou a passeiar pela cidade e está tudo em galego, não preciso do castelhano para viver, snif!
Na próxima mensagem falarei de mais cousas e devagar.... Saude e Lingua!

segunda-feira, 6 de julho de 2009

CRÓNICAS DE UM GALEGO EM PORTUGAL..


"A Veira do Minho:- E os da banda de alá som mais estranxeiros que os de Madrid? nom se soubo que lhe respondeu o velho.. ÁLBUME NÓS de Castelao.

Com este texto de um conhecido debuxo de Castelao fago uma introdução da relação Galiza- Portugal, vista pelos nossos escritores e a visão que de Portugal temos os galegos. farei uma crónica das minhas impresões nestas 3 semanas. Tchau!

sexta-feira, 3 de julho de 2009




Quen se esquece do falar que lhe ensinaron seus pais, non é digno de andar direito, como andamos os demais ( Xabier Prado)

O que naceu en Galiza e da sua fala renega, ese nin à propia nai lhe ten reverencia ( Avelino Diaz)

Quéro-te na minha lingua odiada por outros..


Quéro-te amiga desconhecida, quéro-te no meu idioma de pailáns humilhados e exterminados, desexo cada milímetro da tua pel, tenho envexa dos teus sonos, morro desexando ser a tua sombra, o melhor especáculo do mundo nom som as auroras boreais, és ti ao despertar cansa e con leganhas. E todo isto só me sae no meu idioma imposto e suxo, si esa lingua odiada e perseguida..

quinta-feira, 2 de julho de 2009

ETNOCÍDIO CONTRA A LINGUA GALEGA

Que lhe pasa a uma parte da populaçao deste país? sempre houvo un franquismo sociológico latente pero desde a segunda legislatura de Aznar saiu do armario. O descaro e a sinraçao presidem esta paranoia exterminadora. Nao sao acaso 4 as linguas de Espanha? nao soao todas oficiais? ou em realidade há cidadaos espanhois de segunda? há apartheid lingüístico em Espanha? Por que nao posso eu ter as instrucoes da lavadora, as clases, as etiquetas etc no meu idioma oficial? Por qué um grupúsculo de extrema direita marca a política racista de Galiza? Por qué só saem noticias na prensa em contra das linguas periféricas cando estas ousam recuperarse? Por qué imponhem os pseudo-demócratas a lenda urbana da imposiçao do galego? vivimos noutro planeta ou nao vemos a súa paulatina depauperaçao e a invisibilidade da nosa lingua nas cidades? em qué consiste o mito da liberdade individual da escolha de idioma? acaso nao imponhem o castelám em Madrid ou o francés em Paris? por qué nesas cidades nao lhes ensinam aos nenos inglés e se deixam de idiomas provincianos? Por que um goberno de forma unilateral elimina leis ou as deroga em contra do único idioma propio de Galiza? por què estao facendo bom a Fraga, si esse político que impuxo o decreto do ensino co 50 % de materias em Galego? Por que hai personagens como Valdés que tenhem uma actitude tam descarada em contra da riqueza linguística? Acaso nao és ti amigo de Cuenca um espanhol orgulhoso de que eu fale galego, orgulhoso de que España nao seja um ermo cultural? Ante esta oleada de neo-franquismo só cabe entregarse ou lutar pola dignidade, isso ou o exerminio físico dos pailáns galegos que nos sentimos orgulhosos da lingua dos nossos devanceiros. Dos que oimos hip hop em galego, dos que falamos con 200 milhoes de lusófonos no nosso idioma, dos que nos negamos a que nos exterminem. Amigo leitor proba a vivir as 24 horas en galego: proba a pedir en Vigo ou na Corunha um café morno, a que te entendam na túa lingua. Feijóo e as Faes estám axudando ao xenocidio cultural do pobo galego. Como bem educados que somos calaremos..

domingo, 28 de junho de 2009

UM NOVO EXEMPLO DE AUTO-ODIO: A RAG E CARVALHO CALERO

Merece este país á Real Academia Galega? a pregunta já há tempo que se contesta a si mesma. Esta semana había no debate destes estómagos agradecidos 2 escritores a escolher para ser o epicentro das nossas letras no 2010: Novoneyra ou Carvalho. Nao vou ser eu quem ponha tachas ao Mestre do Caurel. Mas estaredes comigo que calquera ano podia ser o seu.. e no caso de Carvalho coincidia co centenário do seu nacemento.
Lendo qual era o debate sobre Calero na RAG como elementos negativos pesava o "RISCO" que esta figura tinha: " era um (miserábel) reintegrata". O qualificativo é meu..
Reconhezo que cada dia que pasa nao posso ver ao presidente Barreiro e demais entregados a Espanha. olho co argumento que dam estes traidores : "ir co discurso reintegracionista de Carvalho aos centros sería resucitar as leas do galego escrito ata os primeiros 90. A un pais normalizado enriqueceriao, pero hoxe seria un inferno"...
O inferno é viver no mesmo país que estes vendidos, se nao há leas é porque se venderom a Espanha e á norma mais alucinante do mundo mundial. Eles mesmos renunciam a ser un pais normalizado e a nao etiquetar aos autores. Vaiam-se para o inferno senhores da Academia !! fagam o favor...

terça-feira, 23 de junho de 2009

ÚLTIMA FASE DA COLONIZACIÓM: o Galego já nao é útil na administraçao galega..



O PP aprovou em solitário no Parlamento a morte e sepultura da Língua na administraçao. Voçê pode vir de Murcia e nao enterder-me... Isso recorda-me o relato A Tempestade de Schackespeare, no que o colonizador lhe di ao colonizado Calibán : ti antes nao falabas, ladrabas... jajaja, pois isso .. wau, wau. Co novo PP o papel que nos queda aos galego-falantes é ladrar ou lutar (e sendo galegos nao creio co segundo, para isso compre organizar-se, pôr euros e ter orgulho). Há no meio disto curiosas notas como o artigo de imprensa de Cuiña Junior no que de forma lúcida fala sobre o papel da língua. O dito amigo leitor ladramos?

sexta-feira, 19 de junho de 2009

POSTA AO DIA NO NACIONALISMO?

Pois si amigos leitores nao viria mal que se figessem debates ou encontros para replantexar o discurso e as essencias pátrias... matar ao pai Risco ou Castelao e abrir novos caminhos conectando coa cidadania urbana. Que fez Esquerra ? antes de enlodar-se no tripartito conectou coa juventude e a gente descontenta co Psoe e CIU... o BNG baixou desde perto do 25 % ao 9% das últimas europeias em apenas 8 anos... ou sao valentes ou moitos nao entenderemos o discurso possibilista e longe da autodeterminaçao.
Por qué nao se muda de discurso? uf, muito fácil: gostam da moqueta e o carro oficial !
E os anos passam e qual é o futuro? polo BNG creio que nao, se há luita sim mas será no asociacionismo ou no movimento de base. Co vexamos meus !! saude e lingua!

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Já temos o novo secretário de política lingüística, o verdugo da lingua galega!!

Pois sim o que som as coisas: Anxo Lorenzo, um ex do PSOE e da universidade de Vigo que é quem vai fazer esmorecer a nossa língua. Que triste !!! O novo governo do PP dirixido pelas Faes de Madrid querem acavar cas línguas que nao sejam o castelhano e logo dirám que estamos en democrácia....
Ante isto só cabe ou a luta ou a derrota, desde logo que hai conflito lingüístico na Galiza. E todos sabemos que passa quando há duas línguas em disputa, a pequena morre ou se restabelece. Ante isto Madrid golpea e o nacionalismo galego cala, nao construe alternativas de luta como escolas em galego ou jornais próprios e assím bombardea Madrid e o povo traga...
E que fai o BNG? nada, manter-se no pequeno poder ? a mobilizaçao do 17 de Maio fui exitosa mas ao dia seguinte o presidente da Junta di que pretendiamos imponher o Galego?????? alucinante, em Galiza.... e claro bombardea que algo queda. A língua é invisibel nas cidades da costa e o futuro é triste... mas a lutar que isso está claro!!!
E qual é o papel de Lorenzo? pois verdugo: do primeiro que di é que no ensino nao vai entrar mas sim noutros campos..... muito bom!!! como se vende o pessoal... que infelicidade!! mas ante isso vainos ter a algúns lutando. Saude e língua meus!!!

domingo, 10 de maio de 2009

ANTE A MANIFA DO DIA DAS LETRAS GALEGAS

Por qué temos que ir á manifestación do 17 de Maio? Porque se somos galegos é por obra e graza do idioma:
Porque queremos vivir as 24 horas do dia no noso idioma, porque queremos que non nos aillen nunha reserva india, porque estamos orgullosos de ser e falar galego, porque reinvidicamos que se cumpla a Lei de Normalización linguística e os demais ordenamentos legais que fican en papel mollado, porque soñamos que os nosos nenos poidan ter o seu futuro en galego...
Sabido é que se a nosa acción de protesta só queda na manifa deste dia, a cousa é so ritual ou para ter a conciencia tranquila. Pero non, ese dia hai que demostrar que Galiza ten orgullo e que non deixamos de reafirmarnos como galegos cun idioma propio e nacional. Que ante os ataques de Galicia Fachilingue. nos reaxemos con forza e sen traer buses de Castela. Non estará de mais que os que vaiamos non desfilemos en silencio como quen vai a un enterro...
Se ti e eu amigo leitor lemos este texto é que ainda hai esperanza para o idioma, non queremos ser superman para ter o dia a dia na nosa lingua, forza e a berrar na manifa!!!!

segunda-feira, 27 de abril de 2009

O XENOCÍDIO LINGÜÍSTICO EN ESPAÑA...

Como lle chamarias amigo leitor ao desprezo do Partido Popular e Feijóo á nosa lingua?
A primeira medida do seu goberno foi derogar o decreto (co propio bipartito non facia cumplir) do uso do 50% do Galego no ensino... onde se viu ca propia administración conculque e viole a sua propia lei aprobada hai 4 anos de forma unánime no Parlamento Galego? Non se chama iso racismo ou discriminación con respecto aos galego-falantes? Non estamos en época de crise con graves problemas de paro ou económicos en xeral?
Sabido é que cando existen 2 linguas nunha sociedade só hai 2 solucións:
ou a restitución da propia ou o seu exterminio. O Pp opta de forma fascista polo segundo. Por qué non ilegalizan a este partido de extrema dereita? Non están a vulnerar a legalidade vixente e atentar contra os dereitos humanos dos galegos na nosa propia terra? Feijóo e o seus adláteres son racistas coa sua propia cultura matria, non vaian vostedes a Sudáfrica. No país de Castelao comezou a caza e captura dos galego-falantes. Comeza o espectáculo. Feijóo e o seu autoodio empezan a batida, iso si o pobre políticos é de Os Peares... Perdón Los Pilares...

terça-feira, 7 de abril de 2009

Já entramos os galego-falantes na reserva dos indígenas...


Pois sim, amigo leitor... o PP acaba de entrar no governo galego e levará adiante a sua política de castigo contra a lingua própria do nosso país. E qué fazemos?
Como lhe chama-mos a esta caça? racismo, praticidade, auto-odio? uma parte do povo galego quere fugir das suas origens humildes e isto passa pela língua..
outra parte mais importante está mais atenta a consumir ou chegar a fin de mes ou simplesmente nao lhe interesa o tema, nao se sente violentada, que lutar contra as agresoes contra a língua.. como se fossem ideias antagónicas.
Se somos galegos é por obra e graza do idioma que diz Castelao.. há mais coisas injustas no mundo, mas se nao lutamos os galegos pelo idioma quem?
Saude e lingua!!

segunda-feira, 16 de março de 2009

" NO ME GUSTA EL GALLEGO..." AUPA O RACISMO...

Pois si amigos leitores foi a resposta que me deron 2 mulheres hai poucos dias. Como é normal non me gustou un pelo, iso non é racismo? os interlocutores ven normal que eu dixese iso do castelán? craso erro. As linguas son convencións e cultura, riqueza. Outra cousa somos os seres humanos que lles aplicamos categorias e prexuizos. O triste é que as duas tiñas certa e suposta instrución: unha acababa de licenciarse como arquitecta, meu deus .... a estulticia e a ignorancia non recoñecen clase social.
Por qué o ser humano tende a querer diferenciarse dos demais? ben sexa pola roupa, a lingua ou o restaurante? esa suposta altanería ou caché non esconde ignorancia e resentimento?
O dito, a min si que me gustan as culturas e nada do ser humano me é alleo, a estupidez e os tópicos mais resesos incluídos...

sábado, 14 de março de 2009

OS TEMPOS SON CHEGADOS...


É curioso que ante as críticas dun servidor nun tema aberto en Vieiros sobre o noso futuro como pobo e o papel do BNG alguén se alporice. Que se o pobo non nos entende, que se somos idealistas por demandar un xornal en galego, que se unha ikastola idem...
as nosas vaguidades cumprido fin terán? utilicemos mais o escepticismo e
comecemos a andar. O resto é demagoxia ou tertulia de café. Por que non tomamos nota do reintegracionismo e poñemos euros do peto. Pois iso...

sexta-feira, 6 de março de 2009

Deste mundo salvemos só a beleza...

Em meio da fome, a globalizaçao do capitalismo mais salvagem, as futuras guerras pela água... qual é o caminho para parar este absurdo? a fermosura duma cara, uma conversa, um nao sei quê... nesta semana de chegada da extrema direita ao governo da Galiza, um já nao sabe em quem crer. E qual é o motivo de que os que vivem do povo sejam os desfavorecidos? já nao tudo é apelar ao caciquismo ou a ignorância, hoje o voto na Galiza é urbano. A gente di um colega sabe o que vota: o enchufe, a seguridade económica, o medo ou o odio ao galego, para que serve este dialecto do portugués? nem os galegos acreditam no seu presente, querem ser como dizia Castelao (parafraseando-o) pássaros ou lobos, nao galegos. Este é o pior que pode ser a raza humana. Já lho gritavam a Prisciliano. O galego é um povo condenado ao suicídio. Sentímo-nos como o génio de Rianxo os últimos habitantes dum povo suicida. Mas sabes pá, gosto da luta ou melhor da estampa do que sabe que nunca ganhará mas continúa...

sábado, 28 de fevereiro de 2009

hoje nao reflexiono, nao acredito no voto útil nem na política oficial...

Se eu diz que sim, que tudo vai bem seria como os anjos no céu. Mas nao, o mal chamado nacionalismo galego nao pode continuar co tópico de que se nao os votamos entra a direita... amanhá nao há porque ir votar, sim bota-los para criar um novo debate na esquerda galega ( onde é que está). Eu nao tenho carro oficial, eu nao compartilho amizades coa alto empresariado galego que explota ao pais... eu nao tou no mundo de Quintanilha e cia. Aborrezo a extrema direita espanhola mas nao há alternativa hoje em dia. Ou sim, o despreço e adicar amanhá ao passeio e a deleitarse co canto dos pássaros . Eu acredito na utopia e na reinvin-dicaçao da esquerda que demanda cambiar o mundo. O BNG (nas bases há de tudo) como organizaçao há tempo que apostou pelo pramatismo e a deserçao dos seus postulados de há pouco tempo... reindindico a protesta e o cepticismo. E ti amigo leitor concordas?

domingo, 15 de fevereiro de 2009

A LINGUA NO PROGRAMA DOS 3 PARTIDOS ANTE AS ELECCIÓNS DE MARZO

Ante as vindeiras eleccións do 1 de Marzo e unha vez vistos os programas dos grandes partidos con respecto á lingua, está claro que pouco nos ofrecen. O aspecto é desolador. Para o PP o bilingüismo harmónico de Fraga é agora matizado pola libre liberdade do idioma, é dicir os que falamos galego somos apartados nun gueto propio de Sudafrica. Para o PSOE non hai conflito lingüístico ningún e é mellor cos rapaces se centren na inmersión no inglés (carallo e no galego?). Para o BNG hai moita retórica e pouca realidade. Parte dos seus membros non son coherentes na utilización da lingua e como Quintana dixit : "que nos voten os que falan español...). Penoso...

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

VIVINDO EN VIGO, OU A VIDA DUN GALEGO-FALANTE COMO UN MARCIANO...

Pois si meus, estou un mes de prostituto de Galego no centro de Vigo e boto de menos vivir no meu pais:
a xente non te contesta en galego, as mulleres menos, só teño 1 galego-falante de mais de cen alunos e os fachas de Galicia Bilingüe tenhen na cidade de Vigo e no IES Santo Tomé o seu centro clave (dei aulas alí e é para chorar a apoloxía que fan en contra do galego no centro e a Xunta sen expendientalos e botalos á rua). Este domingo fan unha manifa en Compostela apoiados pola loira osixenada Corina Porro e os demais Pepeiros. Como nos insultan na nosa terra e calamos. Que queren que desaparezamos e que nos pisen sen berrar...
EN FIN , SEGUIMOS NA LOITA POLA DIGNIDADE NACIONAL E O RESPEITO PARA A NOSA LINGUA GALEGA..

domingo, 25 de janeiro de 2009

FALAR GALEGO NON É SER ANTIESPAÑOL... ou si visto o visto.

A falta de respeto á diversidade lingüística en España dun tempo a esta parte é alucinante. Acaso non é o galego tan lingua española como as outras. Eles son os separatistas, triste.

domingo, 18 de janeiro de 2009

CORINA PORRO PIDE DEROGAR A LEI DE NORMALIZACIÓN LINGÜÍSTICA, EU TAMÉN para que se cumpla logo...

Esta política (limitada e moi periposta) do PP pide ,como logo se sumaron algúns que se derogue a citada lei de 1983 e que se poida escolher a lingua no ensino. Eu súmome ao primeiro e ao segundo con matices. Comecemos polo final, que poidan escolher os papás o inglés e a ver se gusta isto. Con respecto á lei, como nunca se cumpliu eu tamén abogo por derogala para logo aplicala...
Manda caralho como molestamos os que falamos galego, os fascistas non se preocupan da guerra ou da fame no mundo. Se ladran é que caminhamos amigo leitor, que alucinante comprobar como nos queren pisados e desaparecidos. O triste é que saben tanto estes como Galicia Fachilingúe que hai unha parte do eleitorado que aplaude este tipo de declaracións tan racistas. A falacia é propia dos mediocres. Pois que esperen sentados...

ESTE LUGAR DE MONFORTE, GOBERNADO POLO BNG QUE MANDA TRUCO...

Posted by Picasa

CONFUSIÓN OU "ES QUE NO SE TE ENTIENDE"

Posted by Picasa

A NOSA TOPONIMIA DETURPADA, ENVIA FOTOS OU CORRIXE...

Posted by Picasa

A XUNTA pregunta aos Papás:

A XUNTA pregunta aos Papás:
"El Gallego te es malo": Opcióm a) SI, rápido. b) SI, lento e com dolor !

"LOS 6 MITOS DEL NACIONALISMO LINGUISTICO ESPAÑOL"

Loading...

CANTO SABES SOBRE GALIZA? TESTE DE GALEGUIDADE:

  • a catedral mais antiga de Espanha?
  • A praia galega mais longa?
  • O acantilado mais alto de Europa continental?
  • O lugar mais ao norte da peninsula?
  • O unico rio de Europa que desemboca en Fervenza?
  • Onde esta o maior bosqe de loureiros de Europa?
  • onde esta o melhor bosqe de teixos do sur de Europa?
  • Onde estan os bosque de acibros mais importantes da Peninsula?
  • Onde estan os fentos xigantes silvestres de Europa
  • onde se ubican os castinheiros mais altos de Europa?

O Presidente da Xunta deroga todas as leis que defendem ao Galego..

O Presidente da Xunta deroga todas as leis  que defendem ao Galego..

A nossa toponimia deturpada: corrixe e colga algunha aberrante !

A nossa toponimia deturpada: corrixe e colga algunha aberrante !

--SUPERCAMPAÑITAS, (Anxo Lorenzo, novo Secretário xeral de des- Política Linguística)

--SUPERCAMPAÑITAS, (Anxo Lorenzo, novo Secretário xeral de des- Política Linguística)
Há que boicotear os seus actos lendo os seus artigos!!

NOM AO APARTHEID AOS QUE FALAMOS GALEGO, O PP NOS QUERE DESAPARECIDOS ...

Si se confirma a amenaza de Feijóo, en adiante a lingua volverá aos niveis de hai 30 anos. Non ian de bilingües? queren elIminar unilateralmente o decreto do ensino que garante o 50% das materias en galego( cousa que só cumplía o 25% dos ies do pais). Para mais inri o Frijolito(Feijóo) participou na manifa de Galicia Fachilingüe de hai 3 semanas en Compostela. E este finolis de Madrí vai ser o presidente de todos os galegos? Non sabe que o noso estatuto di que a lingua propia dos galegos é o galego? e así poderíamos seguir enumerando toda a legalidade que a priori amparaba á nosa lingua ( en teoría, o Bng e o Psoe nunca apostaron por levala a cabo).
O triste é que sexa rendíbel para o PP este tema, saben que unha parte dos urbanitas prefiren non contaminarse co galego, non o queren no ensino. SEGUIREMOS INFORMANDO...

--E de que rim? ah da caza e captura do idioma galego..

--E de que rim? ah da caza e captura do idioma galego..
Bonita foto, a Academia Galega traga e di que todo vai bem, jajajaj

OS COLABORACIONISTAS DO VICHY GALEGO: A RAG..

Que bonito é ser barriga chea e pelota do poder. A nómina é longa: a Real (faltaria) Academia Galega da lingua conservada en formol, o Consello da cultura Galega da sumisión, O Ramón Piñeiro... onde se meteron estes anos de alarmante retroceso no número de galego-falantes e que van facer agora? ah, por qué non protestaron ante Touriño ou Feijóo ante o seu nulo apoio polo idioma, ah que inocente son....

ESPAÑA OU O EXTERMINIO DAS LINGUAS PERIFÉRICAS

Acaso o galego non é tan lingua española como o castelán? España segue o modelo centralista e lingüístico francés, pero con cen anos de demora. O xacobinismo trala era de Aznar ten acollida hoxe. Os que falamos un idioma diferente ao castelán non somos respeitados... España incumple a carta europea das linguas minoritarias. Ante calquera avance das linguas periféricas o facherío centralista reaxe con enerxía. O xenocidio cultural está ai... O franquismo sociolóxico na sociedade española é evidente: o papel do exército segue a ser impor-tante, o concordato e o patrocínio ca igrexa católica é vixente e escandaloso (por certo, patético seguir vendo misas televisadas os domingos nun estado laico). O Consello do Poder Xudicial é o garante da censura e o control da sociedade, os medios de comunicación son o sensacionalismo e o brazo armado da difusa idea de España, a monarquía é a institución mais rancia e profundamente antidemocrática de hoxe en dia (por certo canto cobran, por que non se lles pode criticar?, curioso ou non que fosen presentados en sociedade na praza de oriente ao lado de Franco no 1969?).

QUE ALIVIO A LINGUA XA NON ESTÁ IMPOSTA, SOMOS MINORIA..

É unha satisfacción comprobar como o Galego xa non vai ser amparado pola lexislación (o PPG tivo o valor de cometer este xenocidio cultural) e cos novos dados do Mapa sociolingüístico de recente aparición (ai curioso xusto despois das eleccións) xa é a lingua minoritaria do país. Agora xa non se poden amparar eses galegos radicais, agora xa son mais os casteláns falantes que se negan a cambiar en Galiza ao Galego.... non vaia ser que se lles pegue algo.. Agora xa non sodes maioría e vos podemos aillar nunha reserva india. Viva España monolingüe e popular!!!

O DECÁLOGO DO BNJÁ NO PODER:

1) Amarás o poder sobre todas as cousas.
2) Non desexarás a morte do idioma, só que esmoreza.
3) Encherás o país de canteiras e parques eólicos.
4) A UPG segue a ser marxista, é fan de Groucho Marx.
5) Desexarás sobre todas as cousas as liberacións e a moqueta.
6) A cidade da cultura é o novo deus.
7) La Voz e a prensa en castelán terán o teu apoio.
8) Non pretenderás que haxa escolas en Galego, para que?
9) Non te deitas co gran capital, xaces con el.
10) A palabra que mellor te define é adáptome...

QUE LHES PASA A ALGÚNS GALEGOS CO PORTUGUÉS???

É curioso, o Portugués moléstalles a algúns galegos e o castelán non.. o isolacionismo é o ideario. Curioso que mais de 500 anos despois calquera galego entenda un texto en portugués? por moito que haxa diferenzas arbitrarias na grafía, ese xesto de enfado ante o mundo lusófono demostra que somos Michael Jackson. Disimulamos as nosas orixes non vaia ser... falando o outro dia cun amigo ironizaba dicindo co cantante americando ao mellor é un adiantado nisto.. os galegos , mellor dito algúns, son adiantados no temor ante o seu espello. Temen que se reflexen de mais ante un mundo de 200 millóns de falantes e que xa non sexa un chiringo de pouca xente escollida... Eu leo a Pessoa no meu idioma, senón o escribo será inseguridade ou escusas pero é o mesmo disfruto de Pessoa no meu-seu idioma. E ti isolacionista galego?

O XENOCIDIO DE PALESTINA e O ANTISEMITISMO

Dá noxo comprobar como os oprimidos do mundo son sempre os mesmos:Palestina eternamente arrasada por Israel. o lobby xudeu en USA e o cómplice silencio da ONU e a Unión Europea fan o resto.
Por qué non escolherían como terra prometida o deserto de Australia ou a Antártida? Por qué seguen ca chantaxe do xenocidio nazi para calar ante o mimético resultado? Por qué casualmente os pozos de auga de Palestina entraron dentro da construción do muro da vergonha?
É espeluznante a imaxe da cabeza dun neno palestino saíndo dunha casa feita escombros ou a trece membros dunha familia mortos e colocados en fila...
Onde está agora o impresentábel do Valadés que utilizou a sua expulsión do BNG para laiar-se do mal que tratan a ese pobo. Onde están os miles de galegos que manifestaron pola guerra de Irak, acaso non había soldados españois polo medio? Non quedáramos en que podían convivir os dous estados? Non queda claro que ou se pacifica esa zona ou é un polvorin atroz a nivel mundial? As veces da noxo ser parte do xénero humano...

AS 5000 MULLERES NO ACTO DE QUINTANILLA E OUTRAS DIGRESIÓNS

Un en sonos desexou que o acompanhasen varias mulheres? Vai ti saber... pero o populismo barato de Quintanilla con tal da búsqueda do voto é patético. Fraga abriu o macroespéctaculo do festorrio gastronómico-eleitoral e os demais van detrás. Como poderian vender este acto aos insignes afiliados do BNG? Isto é progresismo (de esquerdas?). Agora o galeguismo gosta da garavata, as boas formas e directamente levar a xente como ovelhas ás urnas. Que dizer dos perto de 100 buses e comida que pagamos todos. O resto nin é debatíbel....
E que me dicides da iniciativa conxunta de PP e PSOE para que o bloque non levase unha iniciativa a favor do galego no Bierzo. O Dito somos un potencia en valados mentais e colonización castelán carpetovétonica. Noxo de novas contra a dignidade do idioma. A fronteira española veu despois, abandonémos aos falantes irredentes. Feito. Pero non nos enganemos, PP e PSOE a mesma merda é, como tamén o é o BNG que pacta até as zapatillas en Madrid, Santiago o co ínclito Orozco en Lugo, o mesmo que non quere unha Galiza Normalizada. Habemus cacique supostamente filósofo e na superficie político cutre e próximo ao cidadán...

-XOGARÁ GALIZA A CLASIFICACIÓN MUNDIAL?

-XOGARÁ GALIZA A CLASIFICACIÓN MUNDIAL?
-Goste ou nom o fútbol é creador de identidades e do pouco papel dos países no capitalismo. OUTRA COUSA É FALAR DA NOVA CHAPUZA DE CULTURA AO CONTRATAR A CHILE, partido suspendido por non facer ben as cousas coa federación senón co sindicato de xogadores. Novo ridículo, despois Angola e estes non tenhen os visados... o ano pasado a chantaxe de Camerún. No entanto, Os siareiros percorremos moitos kms. O modelo de partidos anuais está caduco, debe xogarse con Catalunya ou facer un campionato de nacións sen estado. AH! e encher o campo, regalar entradas ou ir aos clubes. Comecen a organizar as cousas meses antes. DEMISIÓN BUGALLO E CIA

A lingua galega no concello de Chantada

Quere vostede ter un documento en galego no Corazón de Galiza? Pois apanhado vai. O señor secretario ou algún funcionario con odio interiorizado non lho farán fácil. Quere vostede ver a vida municipal normalizada en Galego? Pois vaia a Polonia a ver se hai sorte. Iso si, a coherencia lingüística de varios membros da lista do BNG ... ande eu quente e ríase a xente. Predicar e dar exemplo debe ser duro de integrar. A praticidade chega ao extremo de non normalizar a palabra Concelleiro por parte dos políticos do concello e seguir poñendo concellal, es que no se te entiende esto del gallego....

- "EL BNG Y EL GALLEGO..."

Duas notícias destes dias demostran como se quitou este partido de dereitas burgués a careta con respecto á lingua:
- Evitan e dilatan a edición do xenial Sempre en Galiza na nova norma da lingua portuguesa, "no vaia ser que te lo entiendan en Brasil". A NOSA LINGUA VIVE E FLORESCE EN PORTUGAL, dixo Castelao.
- O segundo feito é o apoio do BNG ao Xornal, feito en castelán e de recente saida. Con un par de...
Poderia-se entender que noutras conselherias como Industria o papel da Xunta ante Europa ou a empresa privada é pouco, pero chegar a uns pontos de mínimos co PSOE á hora de loitar por un futuro para a lingua é evidente. Cal é a política do BNG no goberno? calar ou delegar na Mesa o papel de poli mau. Onde están as escolas en galego tipo ikastola ou o xornal en galego. Por que non se aproveita o bipartito para sentar as bases de algo? Dos partidos españois non esperamos nada, pero dos pactictas ben se ven o que fan...

OS SUSÓNIMOS (bautizando aos famosos, do colega suso):

  • Xosé Carlos Caneiro.......... X. Carlos Canario
  • Unión Fenosa.................. Unión Penosa
  • Touriño............................ torito
  • Radio nacional...................... radio nazi
  • Quintana........................ Quintanilla
  • Os 40 principais.................. os 40 machacantes
  • Méndez Ferrín................... Mendez serrín
  • La Región.............................. La legión
  • izquierda unida.................. izquierda undida
  • gayoso............................... baboso
  • Galiza nova..................... Paliza Boba
  • Enrique Monteagudo............ Enrique puntiagudo
  • El correo gallego....................... El zorreo
  • Convergencia i unió................ conveniencia
  • Centro dramático Galego............... Centro traumático..
  • CCOO.................................. Concesiones obreras
  • borbón.............................. bobón
  • A. Santamarina.................... A.santamarrana
  • A Nosa terra.............................. Nuestro terruño

estes son meus

  • gloria empalago
  • Psoe.............................................. Peidosoe
  • Manuel Fraga.............................. Manuel Traga
  • Diego Maradona........................... Diego Metadona
  • galicia bilingüe.............................. galicia fachilingue